Alerta, abelhas intrusas em casa

Amigos, alguém já teve problema com abelhas em casa? Pois foi a experiência que passei nesse fim de ano, quando descobrimos uma enorme colmeia escondida na entrada da casa.

O aumento de abelhas em áreas urbanas é um fenômeno recente, segundo um apicultor que me ajudou a remover essa colmeia. Desmatamentos e queimadas fazem com que as abelhas procurem outras opões para instalarem as suas colmeias. Então saem do campo e vão para as cidades. Invadem o forro de telhados, vigas de concreto, tubulações e outros recantos escondidos, que existem normalmente nas edificações urbanas.

As abelhas ficam agressivas quando se sentem ameaçadas em situações como: em viajem de transferencia de colmeias, som alto, voz alta, latido de cachorro e odores fortes. Esses estímulos podem desencadear um ataque das abelhas operárias, que fazem a defesa da colmeia, quem estiver por perto. Apenas uma picada pode desencadear um choque anafilático e causar o óbito se não for atendido por um serviço médico imediato.

Outro fator surpreendente, foi descobrir que as abelhas produzem calor tanto como a de um ser humano. Nas colmeias, a temperatura se mantém entre 34-36oC! Essa peculiaridade foi extremamente importe para localizar e remover a colmeia escondida, como podem ver a seguir…

Procurei ajuda de um apicultor, que diagnosticou a presença de uma colmeia de médio a grande porte, entre 10.000 à 12.000 abelhas, na frente da casa. Era necessário abrir a parede no local certo, para não estressar as abelhas e não produzir uma reação perigosa…

Foi usado a Camera Infravermelha, que normalmente uso na Clínica para fazer diagnósticos em casos de dor, para localizar áreas de calor aumentado na parede suspeita. Veja as fotos térmicas produzidas pela Câmera Infravermelha #FLIR, antes e depois de abrir a o buraco na parede.

Com a localização térmica da colmeia, foi possível abrir a parede por dentro de casa, no local exato.

Foi retirado todos os favos da colmeia, inclusive a abelha rainha, que é a dona da comunidade! Em seguida, os favos foram acomodados em caixas especiais, e foram despachados para um apiário próximo de Brasilia.

Quanta emoção… e muito aprendizado prático para toda a família!

Conclusões:

1- A invasão de abelhas em áreas urbanas é um fenômeno que merece atenção de biólogos e cientistas afins, porque pode causar riscos grave às pessoas, principalmente as que são alérgicas.

2- É possível detectar enxame de abelhas, entre estruturas edificadas, com o uso de #Camera-Infravermelha #FLIR, devido ao aumento do calor, em torno de mais de 10o.C., na colmeia.

3- Nunca pulverize inseticidas na colmeia. Além de não resolver, o risco é muito alto de ser atacado e receber inúmeras picadas.

4- Se tiver um problema como esse, não tente resolver sozinho. Procure ajuda de um apicultor treinado, para fazer a remoção segura da colmeia.

Etiquetas: , , , , , , ,