Nossa história

40 anos de atendimento e muitas histórias de sucesso


Famosos e anônimos sempre foram bem-vindos à nossa clínica

Por que o interesse pela Acupuntura?

Anos 70… Na época, a moda para manter a saúde tinha nome: Macrobiótica. Sistema alimentar trazido do Japão por George Oshawa e, no Brasil divulgado pelos seus discípulos, como Tomio e Michio Kikuchi, de São Paulo, ou Flávio Zanata, do Rio Grande do Sul.

Em Brasilia, a Macrobiótica proliferava… Cerca de dois ou três restaurantes contavam com a casa cheia de jovens em busca uma alimentação saudável. Os idosos tentavam recuperar o tempo perdido… Tudo para voltarem à juventude. Por lá, os assuntos mais discutidos eram os tipos de vida e medicinas alternativos.

Foi nesse ambiente que soube da existência da Acupuntura. Flávio Zanata, que conheci em um desses restaurantes, fez uma aplicação de agulhas ma minha perna, sei lá para o quê, mas fiquei impressionado com a experiência. Introduzir agulhas em pontos pelo corpo como terapia, era uma grande novidade. Na ocasião, eu cursava o segundo ano de medicina na UnB. Fiquei intrigado com Acupuntura!

Fui a SP e comprei um kit com dez agulhas na feira oriental do bairro da Liberdade. A partir disso, comecei a fazer a auto-acupuntura. Anos depois, após estudar um pouco mais sobre o assunto, e já fazendo o estágio de internato em hospital, comecei aplicar acupuntura em alguns pacientes mais graves que não respondiam ao tratamento convencional.

Pouco tempo depois fiquei surpreso com a recuperação dos paciente tratados pela técnica e essas melhoras súbitas chamaram a atenção dos meus superiores. Vale lembrar que eu fazia tudo escondido, porque ninguém iria entender o que era realmente a acupuntura.

Daí em diante, não consegui mais parar, até que anos depois, consegui ir para a China e fazer a minha pós-graduação em Acupuntura.

Como tudo começou

Esta série de perguntas e respostas sobre o tema Acupuntura é uma homenagem ao Dr. Francisco que, no próximo ano, vai completar 40 anos de prática clínica continuada, totalmente dedica aos seus pacientes.

Quem quiser mande as suas perguntas, dúvidas e esclarecimentos sobre os procedimentos usados pela Acupuntura. Tudo será publicado online nesta página.

Dr Francisco Souza iniciou seu atendimento em Brasília no ano de 1980

Nossa promessa

Nossos profissionais e produtos são selecionados criteriosamente para melhor atendê-los.

Dr Francisco Souza

Dr. Francisco nasceu em Sorocaba, São Paulo, e está com 66 anos, casado tem três filhos, duas meninas e um menino. .

Graduado em Medicina pela UnB, fez especialização em Gineco-Obstetrícia na Fundação Hospitalar de Brasília. .

Na Acupuntura, foi para China, nos anos 80, e no Instituto de Medicina Tradicional Chinesa de Pequim, fez a sua Pós-graduação em Acupuntura Clínica Geral. .

De volta ao Brasil, abriu a primeira Clínica Médica de Acupuntura em Brasília. .

Nessa época, criou o CEMOB, Centro de Estudos de Medicina Oriental de Brasília, onde se formaram 69 médicos e técnicos em Acupuntura. .

Organizou o primeiro Congresso Brasileiro de Acupuntura de Brasília, patrocinado pela ABA-Associação Brasileira de Acupuntura e, durante esse evento histórico da Acupuntura no Brasil, fundou, com um grupo de colegas, a SMBA-Sociedade Médica Brasileira de Acupuntura. .

Participou ativamente do crescimento e divulgação da Acupuntura no país, promovendo diversas palestras em Universidades, entrevistas na mídia e cursos sobre diversos temas relacionados à Medicina Chinesa Tradicional. .

Entre os estudos apresentados em Congressos, Dr. Francisco tem se dedicado mais ao Tratamento da Infertilidade Feminina pela Acupuntura e ao Diagnóstico das Síndromes da Dor, pela Termografia, que são imagens produzidas pela irradiação de calor infravermelho, emitido pela pele. .

Atualmente, Dr. Francisco atende em consultório particular, na região do Lago Sul em Brasilia, onde pratica o que mais gosta: cuidar das pessoas, adolescentes, gestantes e idosos, que precisam recuperar a saúde. .

Médico Responsável CRM - 0000
Médico Responsável CRM - 2867

Agende sua consulta

Ou ligue diretamente para 61 3445-1002 / 61 9952-5204